Que tal aprendermos algo com elas ?

 

 

Sobre atracção fatal …

 

"Não sei. Acho que é por causa do cheiro das pessoas. Por isso é que os perfumes e os desodorizantes são tão populares." (João, 9 anos)

 

"Primeiro temos que ser atingidos por uma seta. Depois, deixa de ser uma experiência dolorosa." (Helena, 8 anos)

 

Sobre a necessidade de se casar

 

"As raparigas devem ficar solteiras. Os rapazes devem casar-se para terem alguém que lhes limpe a roupa e lhes faça a comida." (Catarina, 9 anos)

 

"Uma das pessoas deve saber preencher um cheque. Mesmo que haja muito amor, é sempre necessário pagar as contas." (Eva, 8 anos)

 

Sobre como manter uma relação

 

"Passar a maior parte do tempo a namorar em vez de irmos trabalhar." (Tomás,7  anos)

  

"Pôr o lixo lá fora todos os dias." (Guilherme, 5 anos )

 

Sobre tácticas infalíveis

 

"Levá-la a comer batatas fritas, costuma funcionar." (Bernardo, 9 anos)

 

"Eu gosto de hambúrgueres e também gosto de ti." (Luís, 6 anos)

 

"Abanamos as ancas e rezamos para que tudo corra pelo melhor." (Carla, 9 anos)

 

 Sobre o amor

 

"O amor é a melhor coisa que existe no mundo. Mas o futebol ainda é melhor!" (Guilherme, 8 anos)

 

"Sou a favor do amor, desde que ele não aconteça quando estão a dar desenhos animados." (Ana, 6 anos)

 

"O amor encontramos mesmo quando nós tentamos nos esconder dele. Eu fujo dele desde os 5 anos mas as raparigas conseguem sempre encontrar-me." (Nuno, 8 anos)

 nota : este é um excerto de um e-mail delicioso que recebi. Achei que seria uma boa maneira de homenagear as crianças neste dia que lhes é dedicado. Bom fim-de-semana!

Bodies Exhibition

                    

 Fui ver a exposição Bodies Exhibition, no palácio dos Palácio dos Condes do Restelo, em Lisboa. Confesso que ia um pouco receosa, mas os meus colegas de pós-graduação lançaram o desafio e lá fomos.  O Prof. António quis alinhar connosco nesta aventura e acabou por ir também. Certo é que, com 8 psis por perto, pelo menos podia contar com muito apoio psicológico!

O que vos posso dizer? É algo que tem tanto de desconcertante, como de magnífico. Podemos ver 17 cadáveres e 270 órgãos humanos conservados segundo a técnica de polimerização, uma técnica desenvolvida pelo anatomista alemão Gunther von Hagens. Trata-se de um processo de conservação que tem tido aplicação nas universidades portuguesas, mas apenas em relação a algumas peças do corpo humano, visto tratar-se de um método extremamente caro. Por outro lado, a escassez de dadores impede que se recorra à polimerização de cadáveres inteiros.

A exposição tem levantado críticas de vários sectores, que questionam por um lado, a origem dos corpos e, por outro, a forma como são apresentados. Segundo a organização, os cadáveres usados neste projecto foram doados de acordo com a lei vigente nos Estados Unidos, mas restam algumas dúvidas se não se tratam de cadáveres de condenados.

Já os defensores da exposição, contrapõem com a qualidade técnica e científica e a promoção de comportamentos saudáveis. Por exemplo, alguns colegas fumadores, ficaram horrorizados quando viram um pulmão com cancro. A superfície do pulmão está cheia de alcatrão e o aspecto geral assusta MESMO! A esse propósito, o Director do Departamento de Cirurgia dos Hospitais da Universidade de Coimbra sublinhou que um “conhecimento mais detalhado poderá potenciar comportamentos que protejam a saúde”. Podemos também ver um coração afectado por um AVC ou um fígado com cirrose. A parte que mais gostei foi, sem dúvida alguma, a área dedicada ao desenvolvimento fetal. Todos já vimos filmes sobre esta temática, mas não conseguimos ter a percepção do tamanho dos embriões e dos fetos, e isso foi algo que me admirou imenso.

A árvore brônquica parece-se com um coral (lindo!) e a apresentação de um corpo cortado em 70 lâminas (já não me lembro do número exacto) para nos mostrar a técnica da ressonância magnética também me fascinou!

Esta exposição deu-me que pensar. Como é possível que tudo funcione de uma maneira tão sincronizada no nosso corpo? Acho que deveríamos cuidar bem dele pois é uma obra magnífica. Vão ver. Recomendo vivamente

 

O site oficial e o www.ocorpohumano.net

 




[ ver mensagens anteriores ]


 


Adicione meu Blog
aos seus favoritos!




Visitante número:

 

Design Personalizado